07/04 - Caso Isabella: Tia de Isabella diz que roupas achadas em apartamento não são do irmão.

O Jornal Hoje conversou nesta segunda-feira (7) com a tia da menina Isabella Nardoni, que morreu ao cair do sexto andar de um prédio na Zona Norte de São Paulo. Foi no apartamento de Cristiane Nardoni, no mesmo prédio onde houve o crime, que a polícia apreendeu roupas levadas para análise.

Os peritos investigam se há manchas de sangue no que foi recolhido. Em entrevista exclusiva, Cristiane revela de quem são essas peças. Ela diz que as roupas encontradas não são do irmão. “A única coisa que eu posso responder com certeza disso é que não é do Alexandre. São roupas do pedreiro, já que o apartamento estava em obras. O pedreiro deixava as roupas lá”, disse.

A irmã de Alexandre disse que ele não a visitou naquela noite. “Ele tomou banho na casa dos pais dele, dos meus pais”. Cristiane ainda não está morando no apartamento, que está em obras. Ela sustenta, ainda, que o irmão não tem as chaves do apartamento dela nem ela tem as chaves dele.

 

Suspeitos da morte

“Nós não podemos acusar ninguém. É claro que nós temos certeza de que não foi o Alexandre que fez isso e acreditamos que foi uma outra pessoa -um terceiro - que é o nosso objetivo de encontrar essa pessoa. A gente tem alguma idéia que possa ser uma pessoa ou outra, mas certeza de acusar alguma pessoa, não.”

 

Acidente?

“Eu acredito que se tivesse sido um acidente ele teria nos contado, não haveria sido criado nada disso.”

 

O irmão Alexandre

“O Alexandre é muito família. Todos os fins de semana as crianças vinham sempre pra cá. Quando saímos, saímos todos juntos. Como eles moram em apartamento, às vezes as crianças vinha pra cá pra brincar, se divertir, andar de bicicleta. E a relação entre ele e a [Anna Carolina] Jatobá (madrasta de Isabella) é uma boa relação.

 

A família

“Sempre fomos muito unidos. Minha família – sempre - todos foram muito amigos. Nós sempre conversamos sobre qualquer assunto, sobre tudo, nunca ninguém escondeu nada de ninguém. Sempre teve liberdade pra isso, por isso que nós confiamos plenamente no Alexandre e na Anna Carolina.

 

Envolvimento

“Com certeza, se ele tivesse algum envolvimento, com certeza teria falado pra gente e meu irmão jamais seria capaz de fazer isso com a filha dele.”

 

A família Nardoni e a madrasta

[Temos] uma boa relação. Nós tínhamos uma relação de amizade como cunhadas, eu gostava, gosto dos meus sobrinhos, gosto muito dela”

 

Filhos de Alexandre

“O Pietro tem uma noção que está acontecendo, tem 3 anos, ele está um pouco assustado com tudo, já ele acabou vendo a Isabella, pergunta muito dela. E pergunta dos pais, a gente diz que os pais estão viajando. Então eles estão bem, mas não estão entendo muito bem o que está acontecendo.”

 

Os irmãos de Isabela

“A gente fala que a Isabela esta no céu, que é uma estrelinha, um anjinho que está protegendo ele, do lado dele sempre. Ele chama muito por ela. Às vezes, ele fala ‘A Isa foi pro céu, titia’. Assim, ele é uma criança, ele não está entendendo muito bem, mas sabe que a irmã dele não está perto dele mais.

 

Desejo da família

“A única coisa que a gente pensa: quando o Alexandre sair de lá e a polícia encontrar o verdadeiro culpado, ser provada a inocência do Alexandre, a gente poder dar uma abraço nele, pra juntos sentirmos a saudade da Isabella, pois está uma coisa muito difícil.”