13/05 - Senador Lobão Filho sofre acidente de carro em Paço do Lumiar.

O senador Edison Lobão Filho sofreu um acidente de carro na noite desta quinta-feira (12), na Estrada de Paço do Lumiar. O estado de saúde dele é considerado grave, mas ele não corre risco de morte. Segundo os médicos, o senador teve fraturas na bacia, no nariz, em duas partes do fêmur e no joelho da perna esquerda e em duas costelas, o que provocou a perfuração de um dos pulmões. Por isso, ele teve que ser submetido a uma cirurgia de emergência.

O senador, que é filho do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, está na Unidade de Terapia Intensiva do UDI Hospital. Ele passou por uma tomografia computadorizada. A família pede doações de sangue do tipo O positivo.

No hospital, familiares e amigos acompanham o estado de saúde do senador. A mãe de Lobão Filho, a deputada federal Nice Lobão, que estava em Imperatriz, está a caminho da capital. O pai do senador, o ministro de Minas e Energia, Edson Lobão, deve chegar, ainda hoje, para acompanhar o tratamento.

A governadora Roseana Sarney e o secretário de Saúde do Estado, Ricardo Murad, estiveram no hospital. Durante toda a noite e no começo da madrugada, amigos e parentes aguardavam informações sobre o estado de saúde dele. Os amigos que conseguiram ver o senador no hospital acreditam na rápida recuperação.

Acidente

Segundo informações, o senador Edison Lobão estava em um Fiesta prata, a caminho do hangar onde fica o seu helicóptero, quando foi atingido por uma L-200.

Edson Lobão Filho estava sozinho no veículo e segundo testemunhas chovia muito na estrada na hora do acidente. Não se tem informações sobre os ocupantes do outro carro.

O acidente foi registrado no Ciops às 20h20.

Estado de saúde

Em entrevista ao Bom Dia Mirante desta sexta-feira (13), o médico cardiologista José Bonifácio Barbosa afirmou que o estado de saúde do senador é estável e disse que a equipe médica trabalha para evitar complicações, como possíveis infecções ou até embolia pulmonar. De acordo com o médico, o caso é menos preocupante porque o senador não teve traumatismo craniano.

Ainda segundo o médico, ele deve permanecer na capital. O primeiro procedimento da equipe médica, conforme o cardiologista, foi levar o senador, de imediato, à Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Edison Lobão Filho passou por uma cirurgia, com o objetivo de drenar o tórax.