Rayssa Leal termina em 5° e Pâmela Rosa em 8° no Pré-Olímpico

Rayssa Leal termina em 5° e Pâmela Rosa em 8° no Pré-Olímpico

Brasil acabou ficando de fora do pódio feminino da competição, que acontece em Roma, na Itália. Os dominantes foram os

japoneses, país que recebeu as últimas olimpíadas, e teve cinco representantes na final, ocupando as quatro colocações.

Durante a disputa, Pâmela Rosa foi quem teve mais dificuldades nas voltas. A skatista veterana tirou uma nota muito abaixo com

relação a suas adversárias e não conseguiu recuperar essa diferença nas manobras. A brasileiras teve notas altas nas manobras

individuais, mas as adversárias japonesas tiraram notas altíssimas. No total, ela somou 205.80 pontos.

 


Já Rayssa Leal também teve uma volta abaixo do esperado. A jovem atleta não conseguiu chegar aos 80 pontos no quesito que é

obrigatoriamente um dos componentes da nota. Ainda assim, ela insistiu nas manobras mais complicadas e acabou cometendo

três erros nas manobras individuais. Com isso, na somatória a maranhense ficou com 247.69 pontos.


Enquanto lidava com problemas e uma atuação abaixo do esperado, Rayssa viu Yumeka Oda, sua adversária na competição,

acertando uma de suas manobras históricas, um kickflip rockslide de front, que inclusive garantiu o troféu da etapa de Salt Lake

City da Liga Mundial de Skate Street de 2021 para a brasileira. Dessa forma, as japonesas acabaram dominando mesmo a etapa,

sendo que Funa Nakayama foi a grande campeã do Pré-Olímpico de skate street, com uma somatória total de 264.13 pontos ao

final. Completaram o pódio Momiji Nishiya e Yumeka Oda. Além delas, Rizu Akama também terminou estando na frente de Rayssa.

 

Fonte: Imirante