Quatro mulheres já foram assassinadas em 2021 no Maranhão

A polícia caracterizou um dos casos como feminicídio e a vítima foi identificada como Deusa Maria dos Santos Silva, de 32 anos.

 

Monitor da violência - feminicídio — Foto: Editoria de Arte/G1

Quatro mulheres foram vítimas de assassinato durante os primeiros quinze dias do mês de janeiro na região metropolitana de São Luís. A polícia caracterizou um dos casos como feminicídio e a vítima foi identificada como Deusa Maria dos Santos Silva, de 32 anos.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu na sexta-feira (8) na Vila Talita, município de Raposa. A vítima foi encontrada morta, em uma residência abandonada, por pessoas que acionaram a polícia. O rosto estava deformado e havia sinais de violência em várias partes do corpo, como braços e pernas.

A polícia ainda informou que existe a possibilidade de ela ter sido morta a pauladas e pedradas. Ela era usuária de drogas, natural da cidade de Rosário, e estava residindo no município de Raposa há menos de seis meses.

O segundo caso é da vítima Vanusa Sousa Gomes, de 21 anos, no dia 4 deste mês, no Residencial Valiam, área do São Raimundo. De acordo com a polícia, pessoas encontraram o corpo da vítima em um terreno baldio, na Rua Marly Abdalla, e acionaram a polícia. Os peritos do Icrim constataram um sangramento na cabeça, provavelmente provocado por arma de fogo.

No dia 1º deste mês, a polícia registrou a morte de outra mulher, no bairro Cidade Olímpica. O corpo foi removido para o IML. No quinta-feira (14), Sandes de Souza Brito, de 53 anos, foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte), na Cidade Olímpica.

 

 

FONTE: https://g1.globo.com/ma/maranhao/noticia/2021/01/20/quatro-mulheres-ja-foram-assassinadas-em-2021-no-maranhao.ghtml